Diferenças entre GPON e GEPON

As redes PON (Passive Optical Network) são assuntos muito importantes para a Bradel Distribuição e o objetivo desse cuidado é evitar erros na hora da instalação e manutenção na rede dos provedores. Já publicamos alguns textos com o foco voltado para as redes PON e para quem deseja começar a trabalhar com essa tecnologiaHoje, vamos apresentar as principais diferenças entre as principais tecnologias e alguns mitos para as redes ópticas passivas.

As Redes Ópticas Passivas mais utilizadas atualmente são as GEPON (EPON, como é conhecida) e GPON. Ambas não necessitam de eletricidade no meio de transmissão e são ideais para a oferta de triple play. A rede PON (Passive Optical Network ou Rede Óptica Passiva) é uma evolução da arquitetura de rede ponto multiponto. Ela tem como principal característica o fato de não existirem equipamentos ativos entre a central local e o equipamento do usuário final, não sendo necessária energia elétrica na rede de distribuição

Componentes fundamentais de uma rede PON

OLT (Optical Line Terminal)

É o responsável pela gerência do sistema e oferece uma interface de conexão ao restante da rede, onde pode ser instalado em ambientes indoor ou outdoor.

ODN (Optical Distribution Network)

Toda a rede que está entre a OLT e a ONU/ONT como as fibras ópticas, splitters, conectores e outros, ou seja, nossa rede passiva.

ONU/ONT (Optical Network Unit/Optical Network Terminal)

Equipamento que vai na casa do assinante, ele que é o responsável por converter o óptico em sinal elétrico para ser transmitido a um equipamento Ethernet.

Mitos das Redes PON

  1. Difícil Integração: Mito

É uma rede de fácil integração entre vários sistemas e serviços graças à alta capacidade e confiabilidade da tecnologia

  1. Infraestrutura Mais Simples: Verdade

A infraestrutura é bem mais simples que as demais, já que necessita de menos cabos e racks. Em ambientes internos chegamos a ter uma redução de 50% no espaço ocupado em dutos.

  1. Caro trabalhar com fibra óptica: Mito

Ela realmente requer um investimento inicial maior, só que é uma rede preparada para o futuro, com menores custos de manutenção e uma expectativa de vida (mudança de tecnologia) bem maior e caso seja necessário a única alteração é das ONUs/ONTs/OLTs a infraestrutura da rede permanece a mesma.

  1. Maior Alcance: Verdade

Quando comparada a uma rede de cabeamento metálico que não ultrapassa os 100m a fibra em topologia ponto-multiponto é de 20km e a ponto a ponto pode chegar a 100km.

  1. Maior Segurança: Verdade
  • Isolamento elétrico: quando um cabo de fibra rompe, não há riscos de curto-circuito.
  • Imunidade eletromagnética: com a fibra, existe a possibilidade de trabalhar em dutos elétricos sem sofrer interferências.
  • Proteção de dados: as tentativas de captação de dados do interior da fibra são facilmente detectáveis.
  • Garantia de entrega: os serviços são oferecidos com latência mínima na rede.

Comparação entre as tecnologias:

GEPON GPON
Padrão e Protocolo IEEE 802.3ah, Ethernet e TDM ITU-T G.984, ATM, TDM e Ethernet
Velocidade de transmissão Simétrica
Down: 1,25 Gbps
Up: 1,25 Gbps
Assimétrica
Down: 2,5 Gbps
Up: 1,25 Gbps
Comportamento dos pacotes em Downstream Os pacotes da OLT são enviados via broadcast para todas ONTs/ONUs (padrão Ethernet), sendo que a ONT/ONU seleciona qual pacote é seu e descarta o restante. Os pacotes da OLT são enviados via broadcast para todas ONTs/ONUs (padrão Ethernet), sendo que a ONT/ONU seleciona qual pacote é seu e descarta o restante.
Comportamento dos pacotes em Upstream Cada ONT/ONU transmite os quadros Ethernet para a OLT com intervalos de tempo de transmissão diferentes, atribuídos pela OLT Pacotes fragmentados, o formato do frame contém células ATM
Comprimento de Onda Down: 1490nm
Up: 1310nm
Down: 1490nm
Up: 1310nm
Distâncias Até 20km Até 20km
Divisões 16, 32 ou 64 32, 64 ou 128
Tamanho dos Pacotes 1518 bytes
Padrão Ethernet
Variável, de 53 até 1518 bytes.
Padrão ATM
Compatibilidade Tecnologia permite compatibilidade entre vários fabricantes. O ITU-T não aconselha compatibilidade entre fabricantes.
Eficiência Baseada nas taxas de transferência 67% Baseada nas taxas de transferência 93%

A escolha entre essas tecnologias depende de dois fatores principais, o que o seu provedor precisa e quanto está disposto a pagar. Basicamente, os dois padrões são excelentes opções com qualidade, segurança e velocidade na transmissão de dados.

 

Fontes:

http://www.arandanet.com.br/revista/rti/materia/2017/05/26/mitos_e_verdades.html.
Acessado em 26/07/17

https://rdstation-static.s3.amazonaws.com/cms%2Ffiles%2F332%2F1435607545infograf_GPONvsGEPON_rev7.pdf
Acessado em 26/07/17

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s